<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=122339528446832&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG UNIGRANRIO

Saiba mais sobre a UNIGRANRIO. Descubra porque investimos no futuro e inovamos tanto em ofertas de cursos, quanto em infraestrutura que apoia sua formação.

Todos os Posts

Entenda o mercado para quem faz Tecnologia em Construção Civil!

A empregabilidade é um dos fatores que influenciam na hora da escolha da graduação. Se este é um critério decisivo para você, o curso de tecnólogo em construção civil pode ser uma excelente alternativa.

Nesse contexto, a passagem pela universidade fornece a qualificação necessária para se destacar em meio a tantos concorrentes com o mesmo objetivo, chamando a atenção dos selecionadores para o seu currículo.

No post de hoje, nós vamos explicar como o diploma de tecnólogo em construção civil pode acelerar a sua entrada no mercado de trabalho!

construção civil

Qual o cenário que o tecnólogo em Construção Civil vai encontrar?

Após quatro anos em queda, a tendência é a de que haverá uma reação no mercado da construção civil em 2018, como aponta a Sondagem da Construção Civil, um estudo divulgado mensalmente pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Em 2017, houve um aumento de 29,7% número de lançamentos e de 15,3% nas vendas em 2017 em comparação a 2016. O bom momento também é comprovado pela queda no índice de consumidores que desistem do negócio, de acordo com a Associação Brasileira de Incorporação Imobiliária (ABRAINC).

Frente a uma discussão sobre a possível carência de engenheiros qualificados no Brasil,  o tecnólogo em construção civil presta assistência direta a esse profissional, como você entenderá melhor logo a seguir. Há razões para acreditar, portanto, que as perspectivas são animadoras.

Quais as possibilidades de atuação para o tecnólogo em construção civil?

Mas o que, afinal de contas, este profissional pode fazer? O tecnólogo em construção civil está apto a orientar os trabalhos das diferentes equipes que atuam em um canteiro de obras, visando, essencialmente, o aproveitamento racional de recursos e a segurança dos trabalhadores envolvidos.

Ele também pode assumir a responsabilidade pelo controle de qualidade dos materiais utilizados, escolhendo aqueles que são mais resistentes, duráveis e econômicos.

O Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Confea) também regulamenta outras atribuições para o tecnólogo, como a execução de desenhos técnicos, seleção de fornecedores, empreiteiros e funcionários. Mediante a supervisão de engenheiros, os tecnólogos também podem atuar na fiscalização de obras.

Quais as vantagens em fazer o curso de tecnólogo em construção civil?

Assim como quem faz um bacharelado ou licenciatura, o aluno de um curso tecnológico também recebe um diploma de Ensino Superior, reconhecido pelo MEC e válido em todo o território nacional.

Os principais diferenciais dessa modalidade são a sua menor duração – os cursos duram, em média, entre dois ou três anos – e a proposta de oferecer uma formação mais prática, que atenda às demandas de segmentos como infraestrutura e edificações.

A essa altura, você já entendeu porque a graduação tecnológica é uma ótima opção para quem busca por cursos de construção civil no Rio de Janeiro. Acesse nosso site para conhecer melhor toda a infraestrutura oferecida pela Unigranrio!

Novadfgdd call to action

Leia também: Vestibular de Engenharia Civil: o que estudar?

Posts Relacionados

Faculdade e vida social: você consegue equilibrar?

Aproveitar a vida e sair com os amigos é sempre muito bom. Na juventude então, essa parece ser a única realidade que vale a pena, não é mesmo? O detalhe é que, com o término do Ensino Médio, logo chegam as responsabilidades do mundo adulto. Nesse momento costuma parecer que conciliar a faculdade e a vida social é simplesmente impossível. Surge aí a dúvida cruel: curso superior e diversão com os amigos são atividades compatíveis?

Trabalho em dupla: como não perder a cabeça em atividades em grupo?

Seja para concluir uma tarefa ou fazer uma prova em sala de aula, produzir um artigo científico ou elaborar um projeto como dever de casa, é extremamente comum ter que fazer trabalho em dupla durante a faculdade. E essa é uma ótima oportunidade, uma vez que 2 cabeças pensam melhor, sem contar que essa é sempre uma chance para interagir com os colegas, atuar em equipe, desenvolver novas habilidades e ter contato com outras visões de mundo. Normalmente, o resultado é bem mais rico.

Faculdade de história: o que você aprende no curso?

História é a área do conhecimento que estuda e analisa criticamente o processo histórico da sociedade considerando aspectos sociais, políticos, culturais, econômicos e religiosos em determinado tempo, espaço ou comunidade.