<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=122339528446832&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG UNIGRANRIO

Saiba mais sobre a UNIGRANRIO. Descubra porque investimos no futuro e inovamos tanto em ofertas de cursos, quanto em infraestrutura que apoia sua formação.

Todos os Posts

Prática profissional do Serviço Social. Você conhece?

O que se estuda em Serviço Social é pouco compreendido mesmo para aqueles que já se decidiram por esse curso superior. A formação, e até mesmo a prática profissional do Serviço Social, ainda é objeto de mitos e incompreensões, como aquele que diz que os assistentes sociais apenas realizam assistencialismo ou trabalham de forma voluntária.

A profissão é regulamentada e possui um campo de trabalho bastante delimitado, importantíssimo para o desenvolvimento de programas sociais, políticas públicas e na promoção e de garantia de direitos sociais.

Tem afinidade pela área? Este é o momento de saber tudo sobre Serviço Social!

serviço social

O serviço social é uma prática privativa de profissionais formados

Muitos confundem os termos Serviço Social, assistência social e assistencialismo.

Para saber mais sobre cada um deles, veja abaixo:

Assistência Social. Essa é uma política pública que visa garantir a população em vulnerabilidade ou em risco social acesso a direitos e aos mínimos sociais para subsistência, tal como os benefícios eventuais para alimentação, destinado a quem dela precisar, estando dentro do recorte de renda necessários para se ter acesso aos benefícios.

Assistencialismo refere-se a uma prática de proteção à indivíduos fragilizados e vulneráveis, por meio de ações como doações, caridade, herança do serviço social tradicional de 1930. Cuja ação era com base na ação social da Igreja.

O Serviço Social, por outro lado, é uma profissão. Apenas pessoas formadas em uma faculdade poderá desenvolver esse ofício de Assistente Social. Uma das áreas de atuação do bacharel em Serviço Social é o planejamento da política pública.

O trabalho de assistentes sociais não é voluntário

Como toda profissão, o trabalho dos formados em Serviço Social (popularmente conhecidos como assistentes sociais) é remunerado.

Empresas nas áreas de recursos humanos (benefícios e clima organizacional),  responsabilidade social e gerenciamento de projetos (escopo, estrutura analitica de projetos e análise de riscos) Organizações da Sociedade Civil, escolas e órgãos públicos (saúde, assistência social, previdência, habitação, assessoria parlamentar)  devem remunerar o profissional de acordo com o mercado de trabalho.

Cabe destacar que a jornada de trabalho é obrigatoriamente de 30h semanais diante da lei, porém a função contratada deve ser como assistente social com registro em conselho.

O Serviço Social não é restrito às comunidades pobres

Essa população acaba sendo a mais beneficiada com o trabalho dos assistentes sociais, mas o campo do Serviço Social se estende para toda a sociedade.

É possível atuar em escolas e hospitais, em empresas no setor de recursos humanos, em instituições públicas, como casas de acolhimento e Centros de Referência, e em grandes empresas privadas, em setores que desenvolvem ações de responsabilidade social.

O intuito do profissional é sempre o de avaliar a condição social do público atendido e planejar, desenvolver e monitorar ações de melhoria.

Nos Conselhos Tutelares, por exemplo, o profissional tem como missão fazer o acompanhamento de famílias, orientá-las quanto à inserção de crianças na escola, verificar casos de abuso e retratá-los às autoridades, entre outras atividades.

O que se estuda em serviço social vai da Antropologia à Economia

A grade curricular do curso de Serviço Social tem disciplinas predominantemente da área das Ciências Sociais Aplicadas. Mas dentro desse segmento, há uma diversidade muito grande de conhecimentos.

O aluno aprende sobre Antropologia, Direito, Filosofia, planejamento, monitoramento e avaliação, políticas sociais, movimentos sociais, teoria política, fundamentos da profissão e psicologia, entre outros. Essa formação multidisciplinar permite ao profissional compreender o contexto em que cada pessoa atendida está inserida e assim promover uma intervenção personalizada a cada caso.

Baixe o e-book aqui!

Leia também: Psicologia é da área de Humanas ou de Saúde? Entenda!

Posts Relacionados

Diferenciais do curso de Gestão Financeira a distância

Uma rotina corrida impede que você tenha tempo e energia para realizar uma faculdade presencial? Ou o lado econômico pesa bastante na escolha de uma universidade? O curso de Gestão Financeira a distância pode ser uma excelente opção para você!

Marketing orientado a dados: onde a TI se encaixa?

O marketing orientado a dados busca a geração de valor para uma marca ou produto por meio de ações baseadas na análise de informações. Essa é uma estratégia clássica, mas que ganhou nova força graças ao incremento na capacidade de obter e processar de dados. É aí que entra a TI.

O que diferencia a formação em Letras - Português?

As oportunidades para quem decide se matricular em uma Faculdade de Letras são inúmeras. Ao longo do curso, o estudante aprende a conhecer a estrutura de uma língua, bem como as transformações pelas quais ela passa, como, por exemplo, o caso do Novo Acordo Ortográfico.