BLOG UNIGRANRIO

Saiba mais sobre a UNIGRANRIO. Descubra porque investimos no futuro e inovamos tanto em ofertas de cursos, quanto em infraestrutura que apoia sua formação.

Todos os Posts

Quais são os ramos da Química e onde o profissional pode atuar?

De acordo com o CNPQ, os ramos da Química se dividem em: química orgânica, química inorgânica, físico-química e química analítica.

Cada uma dessas áreas é subdividida em outras mais específicas, que podem ser seguidas por quem escolhe cursar bacharelado em Química, uma vez que essa modalidade de formação é voltada para o mercado de trabalho.

Curioso para saber quais são as possibilidades de atuação profissional do químico? Siga em frente com a leitura!

quimico

Química industrial

As indústrias são grandes empregadoras de profissionais formados em Química, pois estes são indispensáveis na análise de processos industriais e desenvolvimento de novos compostos.

Você encontrará o químico trabalhando, por exemplo, na indústria de polímeros, na busca pelo melhor aproveitamento de insumos e derivados e também no controle de impurezas.  

Química medicinal

Também chamada de química farmacêutica, a química medicinal une conhecimentos de química, biologia, biomedicina e farmacologia, entre outros, para desenvolver ou aprimorar medicamentos.

Trata-se de uma área nova, porém, em constante crescimento no Brasil, especialmente devido ao sucesso da indústria farmacêutica e os avanços da medicina na busca pela cura de diversas doenças.

Química de petróleo e de biocombustíveis

Conhecida como petroquímica, trata-se de um ramo bastante atrativo, especialmente no Rio de Janeiro, um dos maiores polos de produção petrolífera do Brasil.

O químico dessa área atua na pesquisa por fontes de energias competitivas, no cuidado com questões ambientais decorrentes da indústria petrolífera, no aperfeiçoamento da produção de produtos de higiene, borracha e outros.

A Química da indústria petrolífera está presente desde a exploração e extração desse recurso até o processamento e atividades para o desenvolvimento sustentável, motivo pelo qual o profissional é tão importante para a área!

Química forense

É o ramo da Química que auxilia na solução de casos criminais. O trabalho é conduzido por profissionais de polícia, sendo uma atividade exclusiva do Estado. Os profissionais que trabalham com a Química Forense são, em grande parte, peritos criminais, que analisam materiais biológicos e outros vestígios extraídos de cenas de crimes ou acidentes.

No seu dia a dia de trabalho, o químico forense pode tanto ajudar em investigações criminais, como dar o parecer em conflitos judiciais. Em caso de incêndio, por exemplo, ele pode determinar qual foi a causa, apresentando laudos que apontam se a ocorrência foi, ou não, criminosa.

Química nuclear

Outro interessante ramo em que o egresso de uma faculdade de Química no Rio de Janeiro pode atuar é a Química Nuclear, que lida com compostos usados para fins nucleares.

Neste segmento de atuação, o profissional lida diretamente com as transformações dos átomos, provocando reações químicas que sirvam de base para o objetivo desejado, como a geração de energia nuclear, por exemplo.

Esses são apenas alguns dos ramos da Química. É importante destacar que essas áreas de atuação são meramente teóricas e que, na prática, o profissional lida com a Química como um todo.

Ficou mais interessado nas possibilidades de atuação que o químico tem no mercado de trabalho? Conheça o Bacharelado em Química da Unigranrio e amplie seus horizontes!

Conheça nosso curso!

Baixe o e-book aqui!

 

Posts Relacionados

Tem dúvida sobre como preencher o seu Imposto de Renda?

Os alunos do curso de Ciências Contábeis irão prestar atendimento gratuito à comunidade para o preenchimento do IRPF. A ação irá ocorrer aos sábados, entre os dias 14/03 e 25/04, das 9h às 13h, nos campi Duque de Caxias, São João de Meriti, Lapa, Carioca e Nova Iguaçu.

Profissional de Educação Física, o que você tem feito para reter clientes?

O mercado do profissional de Educação Física é um dos mais amplos que existe, afinal, atuamos com o ser humano desde antes de seu nascimento – no rebote dos benefícios produzidos no atendimento à gestante, com exercícios que irão prepará-la para o parto e facilitar a sua recuperação –, até a idade mais avançada, contribuindo para a autonomia, o combate de doenças crônico-degenerativas e a manutenção dos níveis de qualidade de vida.

O novo Coronavírus: O Biomédico em situações de emergência em saúde pública

O Coronavírus é um grupo de vírus comum entre os animais e, ocasionalmente, pode ser transmitido a seres humanos, por isso, é considerado zoonótico. A maioria das infecções em humanos é causada por sorotipos de baixa patogenicidade (229E, NL63, OC43 e HKU1), levando ao desenvolvimento de sintomas semelhantes ao resfriado, podendo causar infecções graves em idosos e crianças. Outros dois tipos virais, altamente patogênicos, já tiveram destaques epidemiológicos, o SARS-CoV (causador da Síndrome Respiratória Aguda Grave) e MERS-CoV (causador da Síndrome Respiratória do Oriente Médio).