<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=122339528446832&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG UNIGRANRIO

Saiba mais sobre a UNIGRANRIO. Descubra porque investimos no futuro e inovamos tanto em ofertas de cursos, quanto em infraestrutura que apoia sua formação.

Todos os Posts

Faculdade de Moda: veja como ter sucesso no mercado de trabalho

Produzir coleções de roupas, escrever para revistas, lançar tendências no mercado: esses são apenas alguns dos sonhos de quem pensa em entrar para uma faculdade de Moda. O problema é que muitas pessoas acabam desanimando quando param para pensar sobre a alta concorrência da carreira. Nada disso!

Graças à internet e às redes sociais, o universo da moda se tornou muito mais acessível de alguns anos para cá. Isso significa que existe sim espaço para você crescer no mercado! Para tanto, é preciso investir em seus diferenciais, sabendo identificar (e aproveitar) as oportunidades que surgirem.

Se uma carreira no campo da Moda é seu sonho, mas você ainda não está totalmente convencido de que é mesmo a melhor opção, trate de ler este post até o fim. Nos próximos tópicos, vamos apresentar como funciona um curso de Moda e em quais áreas é possível trabalhar, além de dar dicas sobre como montar um bom portfólio. Vamos lá?

faculdade de moda

Como funciona um curso de Moda?

Hoje, o conceito de Moda se estende para muito além de agulhas e linhas. Atualmente, é considerada uma forma de expressão em constante transformação, que cria tendências. Inserida em período histórico e região específicos, é uma arte que revela muito sobre determinada cultura. A Moda não só influencia as dinâmicas da sociedade como também é influenciada por elas.

O perfil do profissional de Moda envolve criatividade e versatilidade. Nesse curso, o estudante aprende a trabalhar com criação e comercialização de roupas e acessórios tanto do vestuário feminino quanto do masculino.

Algumas disciplinas são básicas, como Cultura da Moda, História da Arte e Desenho. Passado o ciclo inicial, é possível se direcionar para a área de sua preferência. Com duração média de 4 anos, o curso ensina sobre texturas, cores e estampas, além de comportamentos que geram tendências. Algumas disciplinas são voltadas para a gestão, apresentando noções de Marketing e pesquisa de mercado.

Em quais áreas é possível trabalhar?

Os profissionais da moda trabalham com 5 elementos básicos: cores, texturas, silhueta, caimento e harmonia. Parece interessante? Então saiba que, como profissional de Moda, é possível atuar em diferentes setores. Confira algumas possibilidades:

  • produção: organização e produção de desfiles e eventos, produção de catálogos, editoriais para revistas e até propagandas;
  • modelagem: criação de moldes feitos a partir dos desenhos de estilistas;
  • fotografia: produção de ambientes e dos modelos que farão as sessões fotográficas;
  • consultoria: como personal stylist, o profissional dá orientações personalizadas para ajudar as pessoas a se vestirem, ensinando sobre combinações, tecidos, silhueta e perfil;
  • indústria têxtil: pesquisa sobre matérias-primas e criação de estampas;
  • gestão: realização de pesquisas de mercado e estratégias de Marketing.

Como ter sucesso nesse mercado?

O mercado de trabalho para estilistas, criando a própria marca e participando de desfiles, é bem concorrido e desafiador. Por outro lado, houve crescimento no setor têxtil desde o ano de 2017, com aumento na procura por profissionais do ramo para trabalhar em lojas. E sabia que os estados do Rio de Janeiro e de São Paulo estão entre os 25 maiores centros de moda do mundo? Mas como ter sucesso nesse mercado? Confira 7 dicas essenciais:

  1. conheça bem seu público: o ideal é estudar o público-alvo antes de produzir qualquer peça, de modo a identificar o que falta no mercado ou o que precisa ser transformado;
  2. perca o medo de ousar: como o mercado da moda exige constantes inovações, trate de abusar da criatividade, sem comodismo;
  3. seja verdadeiramente interessado: aproveite ao máximo o convívio social em eventos de moda, faça cursos, participe de workshops e tudo mais que for possível para se inteirar sobre as novas tendências;
  4. invista em nichos pouco explorados: em vez de simplesmente seguir padrões, busque mesclar tendências ou repensar ideias antigas, atingindo assim um nicho diferenciado do mercado;
  5. desista de desistir: tudo bem que empreender nunca é fácil, mas todos os casos de sucesso têm um ponto em comum, que é o aprendizado com os erros (próprios e alheios) para continuar tentando;
  6. aposte no networking: assim como em quase qualquer outra profissão, na Moda, manter uma vasta rede de contatos é essencial para ficar a par de oportunidades;
  7. estude alguns idiomas: especialmente nesse universo, dominar não só o inglês como também outras línguas é um grande diferencial, já que você pode ter que entrar em contato com profissionais de diversos países.

Como montar um bom portfólio?

Montar um bom portfólio é crucial para os profissionais do mercado da Moda. Acredite: esse detalhe pode fazer uma enorme diferença na hora de conquistar um emprego. Mas como montá-lo?

Objetivo

Comece traçando um objetivo: em qual área você deseja trabalhar? Seria estamparia, design, varejo, gestão ou outro setor? É a partir daí que você vai selecionar o material. Antes, reúna tudo o que já produziu, agrupando os itens por tipos ou processos. Mantenha a organização nessa etapa!

Seleção

Em seguida, selecione suas melhores criações, sempre levando em conta o objetivo definido e procurando mostrar seus pontos fortes. Cole também alguns itens diretamente relacionados ao que foi produzido em um papel de boa qualidade, de forma que quem abrir seu portfólio terá acesso a amostras de texturas, tecidos, cores e assim por diante.

Formato

Por fim, prepare o formato do portfólio, que deve seguir uma estrutura básica, composta de capa, introdução, trabalhos desenvolvidos e informações de contato. Depois de fazer uma revisão caprichada, comece a divulgação!

Mas onde estudar Moda?

Para escolher uma boa faculdade, consulte antes informações essenciais, como o período do curso, o valor das mensalidades e, claro, a qualidade do ensino e da infraestrutura. Pesquise se a instituição tem a devida autorização do Ministério da Educação (MEC) para oferecer o curso e confira sua avaliação.

Existem também cursos técnicos em Moda, com duração de 2 anos. Lembrando que essa graduação se diferencia da tradicional por ser focada nas necessidades do mercado de trabalho, priorizando o desenvolvimento de competências profissionais a fim de atender a nichos específicos. Especialmente para quem já tem um objetivo bem definido, essa opção pode ser extremamente vantajosa. 

E quais são as últimas tendências?

Para você já ir se familiarizando com esse universo e o que ele tem a oferecer, confira algumas tendências que têm surgido nos últimos anos em relação à captação de clientes:

  • vendas online: uso de plataformas virtuais simplificadas para captar novos clientes;
  • nichos de mercado: foco na segmentação do público e na customização de produtos — como moda fitness, moda gestante, moda para a terceira idade;
  • lojas pop up: lojas itinerantes que se instalam temporariamente em diferentes locais.

Resumindo: o mercado da Moda é acirrado sim, mas também é cheio de oportunidades. A faculdade guia o aluno desde o básico, permitindo que siga depois para uma área de maior interesse. Para ter sucesso nesse meio, criatividade e persistência são as principais características.

Pronto então para investir na Moda como carreira? Se gostou deste post e já está ansioso para pesquisar sobre faculdade de Moda, aproveite para assinar a nossa newsletter! Assim, você receberá nossas atualizações diretamente na sua caixa de entrada!

Baixe o e-book aqui!

Leia também: Conheça como 3 principais modalidades de ensino superior

Posts Relacionados

Carreira pública: qual pós-graduação é ideal para ser concursado?

Passar em um concurso é vencer uma série de desafios: as vagas são poucas e muito concorridas, nem sempre o cargo desejado está aberto em seu estado e ainda é preciso esperar para a tão sonhada nomeação. Mas é claro que tudo isso vale a pena para quem deseja crescer na carreira pública, principalmente pela estabilidade, pela boa remuneração e, em muitos casos, pelo plano de carreira.

Faculdade de Farmácia: saiba mais sobre essa formação!

Você está pensando em buscar um curso de Farmácia, mas ainda não sabe o bastante sobre essa graduação? Saber o que esperar no decorrer da formação profissional, assim como conhecer a situação do mercado é importante para qualquer estudante prestes a ingressar no Ensino Superior.

Engenharia Química: salário e mercado no Brasil

Já dizia uma célebre frase que “nada se cria, tudo se transforma”. A Engenharia Química é a ciência que se dedica ao estudo dos processos que alteram as características físico-químicas das matérias-primas para que elas se transformem nos mais diversos produtos.